quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

REGRAS DA OFICINA

A oficina ocorrerá de modo bastante fluente. Determinando-se que tentaremos não esgotar — o que seria impossível — mas aproveitar mais profundamente cada uma das sugestões de exercícios de linguagem acho que poderíamos nos deter pelo menos quinze dias numa mesma idéia. E não vale apenas publicar seu poema, o interessante é o comentário acerca do poema alheio, as sugestões formais, o debate de pressupostos, o acréscimo sempre construtivo da, vou arriscar-me, vida literária virtual.
Estão terminantemente proibidas as agressões verbais seja sobre os poemas publicados ou, pior ainda, sobre algum participante da oficina. A discussão, se houver alguma, deve ser civilizada atentando sempre para aspectos do texto que não infiram, nem em meias palavras, nenhuma exposição da intimidade do autor.
Os poemas não serão selecionados, a única regra é que eles tenham alguma relação com o exercício proposto (a seleção, naturalmente, ocorrerá através da discussão o que, no fim das contas, nos dará uma boa triagem que, com alguma sorte, pode tornar-se uma pequena antologia). Espero a contribuição de todos como blogueiros e comentadores e também um pouquinho de paciência para com este que escreve, relapso.

PS: Quem se sentir mais confortável pode participar da oficina como comentador, divulgador, agitador e etc sem necessariamente escrever poemas.

2 comentários:

Descompan(h)ia Teatral disse...

Boa Tarde, galera, meu nome é Fernando sou da descompan(h)ia teatral aqui de Guaianases tbm do projeto vai. Queriamos fazer uma troca, o noso processo é c~enico mas dureante o noso trabalho faoram criados poemas e textos com a imagem poética navalha na carne, e queria saber se vcs aceitam nossas publicações? Recebi O Casulo e adorei as imagens e as poesias. Entre em contato no descoampanhiateatral@gamil.com ou jose.fernando@ig.com.br. Ate mais, fiquem em paz

Descompan(h)ia Teatral disse...

Orkut: descompanhia.teatral@gmail.com Blog: http://descompanhiateatral.blogspot.com/ Site: www.descompanhiateatral.com

DESCULPA OS ERROS DE PORTUGUÊS, QUE VERGONHA RSRSRS